Coleção Chico Buarque

Chegou semana passa às bancas do Rio de Janeiro o primeiro volume da Coleção Chico Buarque, que reúne em vinte edições os principais discos daquele que considero o maior nome da MPB. Cada volume traz um dos cds do Chico Buarque e um livro muito bem acabado com informações diversas sobre a obra e o período em que foi lançado, além de ficha técnica completa e letras das músicas.

Este primeiro volume traz o disco espetacular Chico Buarque, de 1978. São tantas músicas boas que parece até um disco da série Perfil ou coisa parecida: tem Cálice (trabalho maravilhoso com Milton Nascimento e MPB-4), Trocando em Miúdos, O Meu Amor, Homenagem ao Malandro, Até o Fim, Pedaço de Mim (com Zizi Possi), Tanto Mar e Apesar de Você.

E o preço, então, é pra nem pensar duas vezes: só R$ 8,00. Simplesmente imperdível. Esta semana o disco Construção dá sequência à coleção. Para quem gosta de música de qualidade, é um prato cheio. Se você quer saber mais, é só visitar o site da Coleção cujo link está logo ali acima.



Cara Nova

Para as leitoras que acompanham o Sarcófago pelo RSS ou pelo email, o blog está de cara nova. Depois de tanto tempo com o mesmo layout e as mesmas cores, resolvi mudar um pouco. Ainda faltam uns acertos aqui e outros ali, mas já está bem arrumado.

Agora ele tem algumas coisas que o layout antigo não tinha, como por exemplo a possibilidade de twittar ou mandar por email uma postarem diretamente do artigo. O que cês acharam?

Aos poucos vou terminando de arrumar a casa.

Good Evening New York City, de Paul McCartney

Como sempre, nas últimas semanas eu comecei a conhecer um pouco mais de um artista em cuja obra eu já devia ter mergulhado há muito tempo: Paul McCartney. Tudo graças à sua vinda ao Brasil.

Tendo visto algumas imagens do show que ele fez em Porto Alegre e também a lista de músicas que fazem parte do seu DVD mais recente, comprei o box Good Evening New York City, com a gravação dos três primeiros shows da atual turnê, Up and Coming, que acabou de passar pelo Brasil.

Pra resumir, o show é absurdamente espetacular. Muita sacanagem ele não ter vindo ao Rio de Janeiro.



O box está à venda no Submarindo por apenas R$ 49,90. Vale a pena e você ainda ajuda seu blogueiro favorito.

Conheçam Alex Varanese

Imagine se MP3 players, PSPs, netbooks e telefones celulares existissem na década de 70.

O artista Alex Varanese não só imaginou como também criou peças publicitárias anunciando estes produtos. E não só os anúncios foram feitos levando em consideração o estilo e linguagem da época: os aparelhos também foram “atualizados” para 1977.

O resultado do experimento é um conjunto de imagens interessantíssimas e de visual impecável. Pra quem conhece um pouco dos anúncios de produtos tecnológicos da época, vai ser como uma viagem no tempo.

Para quem não conhece o trabalho do Alex Varanese, o site do cara vale a visita. Tem bastante coisa interessante por lá.

Landscapes

falei antes por aqui que adoro vídeos que servem pura e simplesmente para serem contemplados. Eis aqui mais um para a lista. Novamente, a recomendação é assistir em tela cheia com as luzes apagadas.

Landscapes: Volume One from dustin farrell on Vimeo.

Pergunte!

Que tal me perguntar alguma coisa?

O formspring é um site que serve apenas pra isso. O pessoal pergunta e o sujeito responde. Vai lá me perguntar algo: é só acessar minha página.

Autor convidado: Aderbal Perrucho

Aderbal Perrucho é um camarada meu lá de Cachoeiras de Macacu que tira umas fotos estupidamente lindas e que agora resolveu dar uma de poeta. E não é que na primeira o cara fez bonito? Perguntei se poderia trazer pra cá e ele gostou da idéia. Lá vai, então, seu quase haicai:

Sentimento & Vento

Tento diferenciar, mas não consigo
Não podemos tocá-los, muito menos controlá-los
Ambos surgem em nossas vidas sem avisar

Em alguns momentos são as melhores coisas do mundo
E em outros... impiedosos!

Desabafo

Sinceramente, eu devo ser muito burro mesmo.

Já conversei com um monte de gente já e todo mundo que é mole baixar filme + legenda pela internet e assistir no computador, sem problemas. Mas, puta merda, até hoje eu só consegui ver filme com legenda certinho-certinho uma vez.

Eita porra difícil!

Pôr do sol

Ontem à tarde, na estação das Barcas em Charitas. Ao longe pode-se ver o Pão de Açúcar.

4 Artigos

Seguem abaixo quatro artigos extremamente interessantes que li por aí nos últimos dias. Compartilho com minhas leitoras porque acho que todos valem a lida:

Série sobre racismo, do Alex Castro.

Cada vez que leio um de seus textos sobre racismo, passo a ver mais o quanto sou racista quando acho que não sou. Com certeza o Alex me ajuda a tentar ser uma pessoa melhor. Se você se acha racista, pode até se sentir ofendida se não gosta de opiniões diferentes da sua. Se você não se acha racista, eles vão abrir os seus olhos para a verdade.

"Não é preciso muitos dados e gráficos. Se você chega numa cadeia ou no fórum, e todos os juízes e advogados são brancos, e todos os réus são negros; se você chega num hospital, e todos os médicos são brancos, mas todos os faxineiros são negros; se você chega numa empresa e toda a diretoria é branca, mas a moça do café e o rapaz da xerox e o ascensorista são negros; então esse é um país racista."

***


Queridos Jovens, de Lola Aronovich

Um belo esporro da Lola nos jovens que depois da eleição de Dilma caíram de pau pessoal do nordeste, acusando-os de burros, de não saber votar e sentenciando-os à morte.

"(...) o que mais me chocou dos tweets de vocês foi mesmo vocês não desconfiarem que são preconceituosos. Vocês não veem nada de mais em querer que uma bomba acabe com todos os estados daqui, em dizer que nordestino é tudo vagabundo, em torcer pra que uma enchente, ou uma seca, nos mande pro inferno. Vocês se divertiram à beça culpando os nordestinos por elegerem o PT, um partido que vocês detestam. Mas já ficou provado que Dilma venceria mesmo sem o voto do Nordeste."

***


A liberdade de expressão e o preconceito contra os nordestinos, do The Pompeia Times.

Ainda sobre o tema de preconceito contra os nordestinos. Não conheço o blog, mas o texto garante a visita.

"É preciso derrotar essas ideias racistas na sociedade e punir todas as suas manifestações, dando exemplo de que nós não toleramos essas abominações. Mas nós sabemos que as leis têm poder limitado _e, mesmo derrotadas, essas ideias permanecem, como vírus, adormecidas, congeladas, em algum lugar. É um trabalho constante, permanente, chato, de formiga. Mas que deve ser feito, e tem de ser feito por cada uma das pessoas que acredita que a civilização é um negócio legal."

***


The Keyboard Cult, de Jeff Atwood

O sempre esperto Jeff nos chama atenção para a importância da qualidade de um periférico de pouco glamour: o teclado do computador.

"Mechanical keyboards were already becoming rare even before the internet, so I'd wager many people now reading this can't possibly know the difference between a typical cheap membrane keyboard and a fancy mechanical model because they've never had the opportunity to try one!"

Retorno das Férias

Voltei esta semana das minhas férias. Volto cheio de fotos para compartilhar, cansado de tanto andar pelas praias do Ceará, trocentos e-mails e comentários para responder e satisfeito com a vitória de Dilma. Logo logo vou postar por aqui as respostas para alguns dos comentários deixados.