Reforma de Casa: Todo Pedreiro é Burro

Esta é a lição que mais demorei para aprender em toda a minha jornada na reforma da minha casa: todo pedreiro é burro. Não apenas tapado ou lesado, mas BURRO.

Eu demorei para aprender isso porque agia com eles assim como eu espero que ajam comigo: quando alguém me contrata para realizar um serviço qualquer, eu assumo que a pessoa espera de mim um trabalho disciplinado, consciente, organizado e que vá direto ao ponto.

Eu imagino que a pessoa pense o seguinte de mim: "este é o trabalho do Mário, ele é profissional, e sabe o que está fazendo, portanto não preciso ensinar a ele o seu trabalho. Além disso, não preciso ficar fiscalizando tudo o que ele faz, pois é um cara responsável e não vai fazer merda."

E é exatamente assim que eu pensava dos primeiros pedreiros a quem confiei as obras da minha casa: obras eram o trabalho deles, ele eram profissionais, e sabiam o que estavam fazendo, portanto não precisava ensinar a eles o seu trabalho.

Com isso eu só me fudi. Um trincou a minha caixa d'água e colocou os conduítes de forma que ficaram inutilizados depois de bater a laje. Outro fez cômodos fora de esquadro e contra-pisos ocos que tive que arrancar mais tarde. Um terceiro usou granitos em lugares errados e pediu pedras de tamanho errado. E teve ainda aquele que levantou uma coluna apenas para derrubá-la semanas mais tarde, pois era inútil. Enfim, todos - TODOS - fizeram cagadas históricas.

Tudo porque o idiota aqui pensou que eles eram profissionais competentes e capacitados.

No quinto pedreiro, tomei mais cuidado. Apesar de me parecer mais esperto que os outros, não quis correr o risco. Sempre que podia estar junto dele, fiscalizando os serviços dele, lá estava eu perguntando e dando pitaco em tudo.

Querida leitora, não cometa este erro e confie em seu escritor favorito: acredite, todo pedreiro é burro.

***


Leia toda a série sobre reforma de casa.

Um comentário:

Anônimo disse...

Parece preconceito, mas o fato é que nunca conheci um pedreiro que não fizesse cagada... Como sempre digo, se eles fossem inteligentes, espertos, ou pelo menos tivessem um pouco de bom senso, não seriam pedreiros...