Crônica : Ordem e Progresso

Quando a bandeira de um país é criada, suas formas e cores são escolhidas a dedo, de modo que cada uma das partes que a compõem represente alguma característica ou idéia daquela nação. O verde da nossa bandeira representa as matas brasileiras, o amarelo o seu ouro, e por aí vai.

Mas e quanto à sua inscrição? Qual seria a intenção dos homens que decidiram pôr no centro da bandeira os dizeres "Ordem e Progresso"? Como a bandeira é um símbolo do país, que o representa em todos os lugares do mundo, a colocação desta frase neste lugar estratégico parece indicar o desejo de mostrar a todos os pilares sobre os quais estavam baseados os Ideais da nação, assim mesmo, com maiúscula.

Quase posso ouvir alguém da época dizendo: "se queremos mostrar ao mundo que a nação brasileira é um forte e impávido colosso, temos que deixar claro que faremos para nos manter assim". E lá ia a famosa frase para o coração da bandeira.

Surge, então, uma grande pergunta: e hoje? Será que estes ainda são os ideais do país, um lema com o qual explicamos nossa razão e motivação de ser uma Nação?

Infelizmente nossa realidade mostra que as coisas não andam bem assim. O dia-a-dia nos revela uma grande desordem, que é acompanhada quase sempre, de completa inanição, quando não de regresso, de retrocesso.

E por mais que queiramos colocar a culpa apenas nos altos escalões, é preciso saber que a solução compete a todos nós: se é pra fazer o Brasil ficar em ordem e progredir, temos, cada um de nós, que vestir a camisa do país e fazer de "Ordem e Progresso" não apenas um tema de redação, mas um lema, um norte, um Ideal que caminha conosco todos os dias.

(Redação feita para a prova da Marinha em 8/7/7.)

Um comentário:

Thiago disse...

como já te disse... um bom texto, mas não sei afirmar se é uma boa redação para concurso...

mas tá valendo, sorte!

pra q sorte né!?!? vc já sabe q passou!!

abrasss! ó magnânimo chefinho do meu coração!!!!! =P